REALIZANDO O DESEJO DO MARIDO

Um conto erótico de Corno da Any
Categoria: Heterossexual
Data: 15/12/2011 18:45:59
Nota 10.00
Assuntos: Heterossexual, Corno

Considero minha esposa deliciosa e tem um chamariz que desperta o tesão de muitos homens quando sai. Já fazia um bom tempo que minha esposa não dava uma pulada de cerca e nem tocava no assunto. Pensei até que havia desistido de continuar realizando meus desejos, pois adoro ver ou saber que ela andou gozando no cacete de outro macho.

Certo dia avisou-me que iria sair com suas amigas, iriam a um barzinho tomar uns drinks e ouvir músicas. Às vezes suas amigas todas casadas se reúnem e saem sozinhas sem os maridos para colocar as conversas em dia. Eu adoro essas saídas, pois sempre tem alguém para dar em cima e ela volta com o astral lá em cima e o tesão a todo vapor, pois adora sentir-se desejada por outro macho, claro que de forma discreta para que as outras amigas não percebam nada, já que não sabem das nossas aventuras liberais.

Segundo ela, ao chegarem ao local já havia um senhor de mais ou menos 40 anos sentado em uma mesa bem próxima, quase colada da onde minha esposa e amigas ficaram. Com o passar do tempo, bebida rolando, descontração aumentando e como estavam bem próximos começaram a conversar vez ou outra, ele por sinal, muito discreto não forçava a barra, o que encantou mais ainda minha querida esposa. O que ela pode descobrir no momento é que ele estava de passagem, tinha vindo visitar uma tia solteirona que morava sozinha e esteve um pouco doente. Em uma das oportunidades que tiveram de conversar ele pediu o número de seu telefone para que pudessem conversar um pouco mais a vontade, já que havia gostado demais dela, disse que tinha percebido que ela era casada, não sabia explicar mas sentia que havia uma empatia da parte dela também e que arriscaria tudo para ter alguns momentos com ela, e a encheu de muitos elogios. A noite transcorreu sem maiores surpresas, mas sempre que se olhavam ela podia sentir o calor do desejo estampado no olhar de seu novo amigo cujo nome era Fernando e antes de ir embora anotou seu telefone em um lencinho de papel e discretamente passou para Fernando.

Ao chegar em casa estava com um fogo imenso, contou como foi a noitada sem ocultar nenhum detalhe o que me deixou o pau duro feito ferro em antever um princípio de muita sacanagem. Começamos a trepar e pedi para ela fechar os olhos e imaginar que era o seu novo amigo que estava metendo gostoso e ela gozou abundantemente.

No outro dia ela comentou que seu novo amigo ligou, que haviam conversado bastante e que ele insistiu muito para que saísse com ele. Falou também, que estava morrendo de tesão e com uma enorme vontade de dá pra ele, mas que dessa vez gostaria de ir sozinha, porém havia um problema que devido as ocupações de seu trabalho só poderia ser a noite e ela não sabia como que fazer, já que não gostamos de deixar nossos filhos sozinhos. Falei que tinha a solução e então propus a ela inventar para a nossa secretária que na outra noite iria ter um jantar ou um aniversário e que necessitava que ela ficasse com nossos filhos. Sairíamos juntos, ela me deixaria em um barzinho e iria encontrar-se com seu amigo, depois voltaria e me apanharia para contar como havia sido tudo, e assim foi feito.

Na noite seguinte, fizemos como planejado, ela deixou-me em um barzinho com o pau latejando de duro e foi encontrar-se com seu amigo. Após umas quatro horas ela ligou dizendo que eu pagasse a conta que ela estava chegando para me apanhar e queria contar-me tudo o que havia acontecido. Entrei no carro ela abraçou-me, beijando dizendo que me amava muito e que era muito feliz comigo, me agradecendo muito por deixá-la provar os cacetes de outros machos sempre que queria. Contou que a noite havia sido maravilhosa, que queria mostrar-me sua bucetinha toda vermelha de tanto levar pica. Meu pau latejava que doía em ouvir tudo isso, não resistindo enfiei a mão por debaixo de sua saia e pude constatar que ela estava sem calcinha e sua bucetinha toda meladinha. Falou que havia dado sua calcinha como lembrança para seu novo amigo. Não resisti e entrei no primeiro motel que encontrei. Joguei-a na cama e fui logo metendo a língua e chupando sua buceta deliciosamente melada de tesão. Ela gozava gemendo gostoso, murmurando “chupa minha bucetinha que levou muita pica de outro macho... chupa”... ”lambe meu cuzinho arrombado com a pica grossa do meu amigo”.

Ela, então, contou que ele era muito educado e carinhoso e que a levou a loucura, começando por um banho de língua pelo corpo inteiro terminando em sua buceta, ele introduzia sua língua com tanta maestria que a levou a um primeiro intenso orgasmo em pouco tempo. Fez com que ela lhe chupasse sua pica que não era muito grande, uns 16 ou 17 cm, mas que em compensação era tão grossa que quase não lhe cabia na boca. Depois a deitou na cama, colocou uma camisinha e foi enfiando lentamente seu cacete em sua bucetinha, que apesar de bem lubrificada, teve dificuldade em recebê-lo devido o enorme diâmetro. Que se sentiu totalmente preenchida como nunca havia sido e isso a levou a um segundo orgasmo. Ele ficou metendo na posição de frango assado por mais de 20 minutos levando-a a vários orgasmos. Depois foi a vez dela cavalgá-lo durante um bom tempo. Ele era super controlado e não gozava, fodia minha esposa de todas as maneiras possíveis. Por fim, a colocou de quatro e falou que iria comer seu cuzinho delicioso, besuntou bastante com um KY e começou a forçar a entrada do cuzinho de minha esposa bem lentamente até a cabeça entrar, parou um pouco para que ela acostumasse e começou massagear seu clitóris suavemente, fazendo com que ondas de arrepios percorresse todo seu corpo e ela começou a movimentar-se de encontro ao seu cacete até sentir que estava tudo dentro. Ele, então começou um vai e vem de forma bem cadenciada e foi aumentando aos poucos a velocidade, fazendo com que ela tivesse novos orgasmos e urrando gozou no cuzinho de minha esposa, caindo os dois completamente exaustos.

Após um bom tempo foram lavar-se e ficaram conversando e se acariciando até que seu amigo ficou novamente em ponto de bala, ela disse que não agüentaria uma nova trepada com um cacete daquela grossura, mas que iria fazer ele gozar muito gostoso na boquinha dela e iniciou um boquete delicioso que só ela sabe fazer e o levou a um orgasmo intenso, jorrando fartamente sua porra na boquinha da minha esposa que fez questão de engolir tudo não deixando sobrar nada.

Não agüentando de tanto tesão pulei em cima de minha esposa e meti na sua bucetinha e pude sentir o quanto ela estava toda alargada, ela pedia para que eu fosse com calma, pois estava toda ardida, a virei de quatro e pude ver o estrago que o caralho grosso do Fernando havia feito no delicioso cuzinho de minha esposa, lambi seu cuzinho arrombado e meti gostoso, em poucos minutos gozamos os dois juntinhos.

Falei que a amava muito e que ela poderia trepar com outro macho sempre que tivesse vontade, desde é claro, que depois me contasse tudo nos mínimos detalhes, ela falou novamente que me amava e que nunca deixaria de falar tudo, pois adorava em realizar os desejos do corninho dela.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
25/03/2019 15:34:32
Quanta inveja, como adoraria ter tido uma gata assim na minha vida. Tens muita sorte. Eis meu e-mail/Skype:
12/05/2016 09:07:44
Parabéns, muito bom seu conto, excitante ver a mulher com outro, ainda não tive o prazer dessa experiência, mas é muito bom sentir esse desejo. Abraços. Pedro
16/12/2011 07:15:36
É um bom conto, só que eu sou adepto do menage, ou seja, estou sempre presente nas trepadas da minha esposa com outros parceiros. Leia meus contos. A 1ª vez que ela provou uma pica diferente está no conto "A Massagem".
16/12/2011 05:43:34
Show! Excelente conto!Se quiser compartilhar a esposinha me contacte
15/12/2011 22:42:53
Muito bom, gostei. 10

Online porn video at mobile phone


eu com 19 anos de idade eu era virgem da minha buceta e virgem do meu cu eu moro sozinha com meu pai viuvo meu pai ele achava que eu não era mais virgem da minha buceta a noite eu tava no sofa com meu pai ele conversando comigo ele disse pra mim filha você tomar anticopcional pra você não engravidar eu disse pra ele pai eu sou virgem da minha buceta meu pai disse pra mim filha você com 19 anos de idade você e virgem da sua buceta eu disse pra ele eu sou virgem da minha buceta pai ele disse pra mim filha eu tou feliz com você porque você é virgem da sua buceta ainda eu disse pra ele pai eu quero perder minha virgindade da minha buceta com você meu pai ele me deu um beijo na minha boca ele me levou pro seu quarto eu dei um abraço nele eu dei um beijo na boca dele eu tirei minha roupa eu deitei na sua cama ele chupou meu peito ele disse pra mim filha sua buceta virgem raspadinha e linda ele começou a chupar minha buceta virgem eu gozei na boca dele eu chupei seu pau ele foi metendo seu pau na minha buceta virgem que sangro ele começou a fuder minha buceta eu gozei conto eróticotravesti lesbica contos eroticoscontos eiroticos leilaporn"ver la feliz" casadoscontos.com.brporno babentaPorno contos incesto mamaes iniciam chupando as bucetinhas de suas filhinhas muito carinhosobrinho vigiando tia peladawww xvideo obezas fazendo sexo com ofilio.com.brcontos eiroticos leilaporncontos de mulheres defecando em seus parceirosgravei escondido dizendo vou gozar aicontos domestica me viu to cando pueta em familiaMulheres brasileiras fudeno em pe e falando.vou goja no xvideioscorno chorao contos eróticoscontos eiroticos leilapornbobeou entrou gosouboquete toda hora minga sograsogra faminta por sexoAliviando os funcionarios contos eróticoscontos eroticos gay vestido rosasogragosadaSo video de 5 minutos porno buceta e rolas de 16centimetrocache:Vk2StliVkE8J:gtavicity.ru/texto/20040419 fui visitar minha inquilina e ela estava só de baby doll contosconto erotico n puque esconde comi o cu da menina.que se escondeu comigocontos erotico gay violentado lingerierelatos de casadas que treparam e engravidaram dos seus amantescontos eroticos aluguelsequencia de heteros cacetudos gozandocomo tirar a virgindade com irmão irmão de verdade para te lembrar agora tanta saudadeMulher fasendo croche e dano cu pornoputaria brasileira posicao frango assado pra salvar no celularContos gay me iludiu e me comeuhttp://zdorovsreda.ru/texto/201012191mostrando o tamanho pra mulheresna rua xsvedeoContos pornos-fodi a mendigacasa dos contos de nick malconxxvideos com branquinha rabuda leva gosada na bucetacontos etoticos patroa loira empregado negao com fotospornô anal com mulheres dando rabão gostoso tesouro com perna tá tendo mais daqueles bem quente mesmoNovinha limpando a casa com blusinha folgadinha xvideocontos sadomazoquismo estuprocontoseroticos/nicoleavelin/autorafiltrados xvideos cao fode minha irma a forcapeqeu minha coinhada trocamno a roupa cexivideo porno de chorte apertado arfossax videos novinha arregala os olhos com emfiada do negao bem dotadoxvideo pau grande lascano cuzio da loira picenavideos porno de pai pegando a norimha nemor deidadefilmes pornô lambuzada pelo pazes as panterasmorena branquinha loirinha e azul viagem com a bumbum mais bate com a bumbum mais pulaxvideocomi. meu. marido e dei para. meu. sogrocasos amad chama irm pra bate ponheta e gosa favela cariocaNiely mostrando a b***** raspadinhaContos eróticos titia chupa minha xaninhaporno de coroucom novinhastia toinha tem 50 anos e 1 quilo de bucetalargandoo cu com um pepino grosso pornodoidoxvideo da sogra seduzindo o jenrro na noite de natalvideos heroticos com as creetes mais tessuda do brasilmeu amigo e eu comemos minha irmaxvideoxvidio enfinhei ate otalo e gozei dentroSeduzi meu professor contoxvideos gay bang bang na cinelândiaEncoxada no transporte público contos eróticotexto de prima louca querendo pau na bucetinhavideos Pornodoido.com Pai pega filho gay aforca e regaça ele grita e gemecontos eiroticos leilapornfesta de cdzinhas no cine porno 2017casa dos contos greludasesposa gostosa de chorte cortinho seesfregando em outro machosReta do Pedreiro Hétero Peladomulher fudendo escanxada ensima da rola do maridomulutas gosando escorrendogozei minha mãe é adotada saia tio transamos noite toda voz diasAninha cheirosinha fiz cocozinho na calcinhaconto erptocp gay paicomedor de mulher dos amigos contosxiripornoSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhabaixando acaucinha lentametiporno gratis moça sendo agarrada apód sair do banhonovinha do zap si ezibindo de calcinhacontos eroticos de mulheres bofinhosfime porno marido infindo garrafa no cu da esposa xvideo Welton comendo o cu da sua primaContos eroticos o comedor de cu pulei o muro da vissinha,e dopei ela e comi o cu delaeu, minha namorada, minha namorada e meu tio